Comunidade russa na Síria celebra festival primaveril

Viver numa zona de guerra dá-nos poucas razões para celebrar, mas a comunidade russa na Síria encontrou uma razão para sorrir e relaxar – pelo menos por enquanto.

Durante os dias do Maslenitsa, um festival popular de Primavera, os russos que vivem a tempo inteiro num país destroçado pela guerra juntaram-se para reviver o espírito animado do festival associado a refeições substanciais, dança e jogos.

Os activistas comunitários na cidade síria de Tartus, lar de aproximadamente 500 russos, levou a cabo ao palco a encenação de um conto de fadas tradicional em redor de fornos, samovares e panquecas, partes integrais das festividades do Maslenitsa. Envergando trajes tradicionais, artistas amadores, entre os quais crianças, cantaram e dançaram músicas populares.

Os Yarmarka, grupo de dança russo, encontram-se actualmente em digressão pelo Médio Oriente e juntaram-se à festa, demonstrando os talentos coreográficos dos seus artistas e obtendo ruidosos aplausos por parte do público.

As danças populares russas parecem impressionar o público da região. Viktor Kuzminov, o director artístico da companhia afirma que os artistas foram extremamente bem recebidos na Líbia, no Líbano e em Damasco. “As pessoas até se levantam”, disse, acrescentando que a música e a coreografia das danças folclóricas russas são universalmente compreensíveis.

Em Damasco, a comunidade russa celebrou também o Maslenitsa com danças e jogos tradicionais.

© RT.com | Imagem © Ruptly

Comentar

O seu endereço de email não será publicado.